segunda-feira, 22 de março de 2010

Reciclagem de Pensamento

Ontem eu percebi que finalmente as coisas não estavam indo bem. Andei iludido com coisas ridículas, como se fosse criança olhando algodão doce. Vivi algumas coincidências como se fossem tacadas afiadas do destino como um talentoso jogador de sinuca que mata todas as bolas pares na primeira rodada. A vida me gerou ilusões, me desviou alguns conceitos. Deixei escapar coisas tão interessantes que tenho até vergonha de pensar no que perdi por me iludir.

Então, neste domingo, eu estiquei o braço para o nada, enquanto estava deitado, coisa que faço costumeiramente quando estou pensando sozinho, e percebi que na noite de sábado eu tive a visão: bêbado, acompanhei de perto uma briga, no meio da festa dos 100 anos de Capetinga. Enquanto eu via a briga, ia percebendo o quão vagas são as noções de arbitrariedade e diversão, honra e respeito, das pessoas que estavam ali. Definitivamente, era um circo, e eu não sou parte do circo. Não sou o palhaço, não sou o equilibrista. Sou como o leão ou o elefante. Sou apenas maltratado ali, e não se interessam mais por um animal domado. Eu sou deixado em beiras de estrada por circos itinerantes.

Então esqueci tudo. As intrigas familiares e políticas, as pessoas que usam suas máscaras idiotas, esqueci tudo!!! Vou me reciclar. Vou dar mais vazão a esse blog que pouca gente lê, vou é me dedicar ao design, à literatura, às noites em butecos sórdidos em centros urbanos. Vou lembrar que existe São Paulo.

Ou é isso ou é guerra. Capetinga é a terra da minha avó. Eu vou lá pra visitar meus parentes. Posso valorizar aqueles que vêem algo mais que uma serra e casinhas, mas não quem pregou a cara no poste da esquina.

2 comentários:

e s t e r _ disse...

espero q mude pra melhor ^^

Satiko disse...

Não pare de escrever no blog,gosto do seus textos e como aborda cada tema,mas está certo em se focar nas coisas mais importantes,nas que realmente influenciam seu dia-a-dia.Também vivo a pensar na vida,qual seu sentido,qual a sua razão,qual filosofo explicou melhor a real vida de que faço parte nesse século de hipocrisia e chego sempre a mesma conclusão:preciso mudar alguma coisa.
Espero que tenha sucesso ok?!;P
Bjos.Garota.com