quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Os Aviões

eles estão lá no alto, consumindo nossas mentes, porque voam e nós não. É o mistério. Pesam toneladas, e planam mais que nós. Como nossas criações podem voar? Nós, os criadores, não conseguimos, e nem conseguiremos. Figuras imperfeitas.

eles vão e nos levam pra longe. Tão alto, sem nem sentirmos frio. Tem gente que nem liga mais, acha tão comum estar tão longe do chão, que é pra onde fomos feitos.

eles se cruzam, não se batem, geralmente. São delicadamente colocados em linha. São de brinquedo, são reais, assustam os pássaros, devoram os pássaros com suas aves. Quando querem chocar, levam consigo centenas de pessoas. É o sacrifício à audácia do homem, de querer possuir o céu, e matar aqueles que o possuíam antes.

São máquinas de guerra, jogando soldado atrás de soldado no campo de guerra. Carregam bombas perigosas.

os aviões

Um comentário:

Paulo Tabatinga disse...

Escaleno, vc saiu do overmundo?